Saiba como prevenir e derrotar a temida doença do carrapato. 

Vem chegando o verão…e junto com o aumento de temperatura, aumenta junto a chance de você se deparar com os….carrapatos e a terrível doença do carrapato.

Essas ferinhas de oito pernas podem infectar não só o animal, mas o homem também.

Por isso mesmo, saber prevenir a doença do carrapato, e combater essa praga, é essencial não só para assegurar a saúde do seu cachorro, mas a sua e da sua família também.

E se você acha que os carrapatos ficam o tempo todo grudados no cachorro, está redondamente enganado! Na hora de colocar os ovos, eles deixam o cachorro e se misturam ao ambiente. Por isso que é comum encontrar carrapatos subindo pelas paredes.

E, de lá de cima, eles procuram um novo hospedeiro que esteja passando pelo local.

Nossos queridos cachorros ficam com coceira, incomodo, e…o pior dos piores…a temida doença do carrapato!

Para controlar essa desgraça, a pedida é carrapaticida no ambiente e no seu cachorro. Existem produtos disponíveis para ambos os fins.

Dê uma pesquisada. Só para deixar registrado, caso opte por usar a Ivermectina, saiba que ela pode causar intoxicação em raças como Collie, Pastor Alemão, Pastor de Shetland, Pastor Australiano, Setters, Old English Sheepdog e derivados.

E nem pensar em usar carrapaticida em filhotes, gestantes e fêmeas em lactação.

Para prevenir a proliferação do carrapato, aplique no cachorro um produto com boa duração (o que eu uso dura 3 meses!). Ainda existem as coleiras carrapaticidas, se achar necessário.

Outra dica importante é evitar acesso do seu cachorro à áreas onde tenham cavalos e bois, já que isso aumentaria, e muito, as chances de uma infestação acidental (vai até pelo vento!).

Tenha paciência. E caso ache um carrapato no seu cachorro, leve-o imediatamente ao veterinário para realizar um exame e saber o nível da infestação.

___
Por Pet Nativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *